Skip to content

O que fazer em Ouro Preto: guia completo

GUIA COMPLETO DA CHARMOSA CIDADE

Antes de mais nada, Ouro Preto é uma das cidades que todos deveriam conhecer. Afinal, o destino respira história, beleza, charme e boa gastronomia. Assim, reunimos as melhores dicas sobre o que fazer em Outro Preto e suas atrações imperdíveis. Também listamos os melhores lugares para comer na cidade, no melhor estilo mineiro, como chegar, quantos dias ficar e dicas de onde ficar em Ouro Preto.

SOBRE OURO PRETO

Cidade é uma cidade colonial, com conjunto arquitetônico único e rica história. Tanto que seu centro histórico – em meio aos casarões antigos nas inúmeras ladeiras – é considerado Patrimônio Cultural pela UNESCO.

Sua história está ligada à mineração e ao Ciclo do Ouro no Brasil, quando a cidade surgiu da junção de arraias com o nome de Vila Rica, no início do século 18. Chegou a ser uma das cidades mais populosas da América Latina, atraindo pessoas em busca de enriquecimento.

Hoje, Ouro Preto também atrai turistas – além de todo esse legado – pelo charme, boa comida, eventos e a animação de uma cidade universitária.

COMO CHEGAR EM OURO PRETO

Ouro Preto está a 100 km de Belo Horizonte (pouco mais de 1 hora e meia). Do Rio de Janeiro, de onde fomos de carro, Ouro Preto está a 397 km (cerca de 6 horas).

O QUE FAZER EM OURO PRETO

PRAÇA TIRADENTES

Coração do centro histórico de Ouro Preto, com edifícios coloniais. No meio da praça, há uma estátua de Tiradentes. Aliás, sua cabeça ficou exposta nos tempos da Inconfidência, quando a vila ainda se chamava Vila Rica.

IGREJAS

É fato que a lista sobre o que fazer em Ouro Preto sempre contará com muitas igrejas. Isso porque nenhuma cidade de Minas tem tantos exemplares abertos à visitação. Além disso, é uma oportunidade de conferir o legado artístico dos principais nomes do barroco mineiro. Sendo assim, vou destacar as principais, lembrando que não faltam mais opções a quem tiver mais interesse.

Visitar igrejas: dica sobre o que fazer em Ouro Preto

Igreja de São Francisco de Assis

Considerada a obra prima de Aleijadinho e possivelmente a atração mais icônica quando pensamos sobe o que fazer em Ouro Preto.  A fachada foi projetada pelo artista e teto pintado por Mestre Ataíde.

Na saída, vale aproveitar a Feirinha de Pedra Sabão (Feira de Artesanato do Largo Coimbra).

Igreja Nossa Senhora do Pilar

Tem como principal diferencial a enorme quantidade de ouro – são 400kg – e é a segunda mais rica do país.

Outras igrejas que muitos incluem a visita: Igreja Matriz de Santa Efigênia, (Nossa Senhora do Rosário dos Pretos), fachada circular e erguida por escravos que não podiam frequentar a missa; Matriz de Nossa Senhora da Conceição (que conserva o túmulo de Aleijadinho e de seu pai) e Igreja Nossa Senhora do Carmo (construção do pai do Aleijadinho, com azulejos portugueses).

MUSEUS

Museu da Inconfidência

Em plena Praça Tiradentes, onde tudo acontece, está também o principal museu de Ouro Preto. O local conta a história de Minas e da Inconfidência. Em outras palavras, atração imperdível e possivelmente um dos museus mais importantes do Brasil.

Visitar museus: dica sobre o que fazer em Ouro Preto

Casa dos Contos

Mais simples e menos primordial, gostamos bastante da visita. Mostra as moedas que já circularam no país, sendo uma aula de história. Também tem uma senzala no subsolo que expõe objetos de época. Por fim, o casario é daqueles bem tradicionais da cidade.

Outros Museus: Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas/ UFOPS, que explica como se desenvolveu a mineração; Museu do Oratório, o Museu de Arte Sacra de Ouro Preto e o Museu Aleijadinho, sobre arte sacra, sendo o último ficado no artista; a Casa de Tomás Antônio Gonzaga e a Casa dos Inconfidentes, sobre a Inconfidência; e a Casa da Ópera, mais antigo teatro em funcionamento das Américas. 

MINAS DE OURO

Ouro Preto e a história da mineração se confundem. Dessa maneira, uma das atrações é visitar alguma mina de ouro. É uma oportunidade de entender melhor a atividade e tudo que os escravos passaram lá, ainda que a falta de organização dos passeios seja reclamação constante. No Centro estão: Mina do Chico Rei, a Mina du Veloso e a Mina de Santa Rita, Minas do Palácio Velho. 

Nós escolhemos uma mina diferente, a Mina da Passagem, caminho para Mariana, a única industrial e uma das maiores do mundo abertas à visitação. Apesar do preço alto (hoje custa 180 reais) e certo tempo de espera, gostamos bastante do passeio, que ofereceu visitas guiadas, e onde pudemos descer pelos túneis em carrinhos, além de comtemplar os lagos internos de águas cristalinas onde mergulhadores se aventuram.

Mirantes e vistas

Por fim, Ouro Preto é cheio de lugares fotogênicos. Seja do alto de qualquer uma das ladeiras, seja de um mirante. Por exemplo, gostei bastante do visual da simples rua da frente da Casa dos Contos, de uma das suas janelas.

Ainda no centro histórico uma boa pedida é ver o pôr do Sol da Mureta da Igreja Nossa Senhora das Mercês e Misericórdia. Por outro lado, quem quiser de fato ir a algum mirante, os principais são o Mirante da UFOP ou o Mirante do Morro São Sebastião. Já a caminho de Mariana o Mirante das Lajes tem uma vista panorâmica.

OURO PRETO E O QUE MAIS: PASSEIOS DE 1 DIA

Ouro Preto é colado em Mariana e Lavras Novas.

Também pode sofrer um desvio na ida ou na volta para visita aos Doze Profetas de Aleijadinho (Congonhas não tem maiores atrativos, achei até meio feio).

Com pernoite, também é possível acrescentar Tiradentes.

Cidades próximas: dica sobre o que fazer em Ouro Preto

QUANTO TEMPO FICAR EM OURO PRETO

Pela quantidade de atrações, sobretudo igrejas, a visita à cidade pode ser bem demorada. Dessa maneira, sugiro 2 dias inteiros, no mínimo.

Nós chegamos sexta à noite e ficamos até domingo de tarde.

Nosso roteiro, com pequenas adaptações:

  • Chegada: voltinha na Praça Tiradentes + Esacadabaixo Bar
  • Igreja de São Francisco de Assis (e feirinha) + Museu da Inconfidência [+ Igreja Nossa Senhora do Carmo, se houver interesse]; almoço no Bené da Flauta; Igreja Nossa Senhora do Pilar + [Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos ou pôr do Sol da Mureta da Igreja Nossa Senhora das Mercês e Misericórdia]; jantar O Passo
  • Mina de Ouro/Mariana, almoço Casa do Ouvidor; Casa dos Contos

ONDE FICAR EM OURO PRETO

Viajamos em um fim de semana de evento na cidade e demos sorte de conseguirmos uma vaga em cima da hora no Hotel Pousada Casa Grande. Ainda que bem simples, excelente custo benefício, bem localizada (a 400 metros da Praça da Inconfidência, sem maiores ladeiras), bom café da manhã, quartos confortáveis, mesmo sem luxo e um simpático terraço com vista da cidade.

Ainda no centro histórico, com valor um pouquinho acima, cogitaria o Teatro Hotel Boutique e a Pousada Solar da Ópera (esta por ser numa rua movimentada, vale avaliaria um quarto silencioso).

Já com o orçamento mais folgado, a dica é a Solar do Rosário, linda e muito bem avaliada. Ainda no patamar luxo, as principais opções são a Pousada Solar Douro e a Mondego.

ONDE COMER EM OURO PRETO

Em resumo, comemos muito bem em Outro Preto:

  • Bene da flauta

É provável que seja o restaurante mais famoso da cidade, com ambiente amplo e bonito e deliciosa comida típica (tutu e feijão tropeiro são servidos apenas no almoço). É possível reservar no site.

  • Escadabaixo Bar Cozinha

Barzinho com bons petiscos e também pratos elaborados, drinks e e chopes diferentes.

  • Casa do Ouvidor

Restaurante com pratos da comida mineira, na Rua Direita, bom para um almoço típico.  

  • O Passo Pizza Jazz

Restaurante aconchegante com vários ambientes (incluindo um externo com vista da cidade), comida excelente com boa oferta de massas e pratos italianos

  • Hamburgueria Pão de Queijo Gourmet

Passamos em frente, por ser perto do nosso hotel. Acabamos não provando, mas fica a dica para quem quiser um lanche e provar um hambúrguer de pão de queijo, bastante elogiado.

Por fim, espero que as dicas sobre o que fazer em Ouro Preto ajudem e inspirem a conhecer essa linda e aconchegante cidade!

Nanda Gaspar

Nanda Gaspar

Ama viajar, planejar e falar sobre viagens. Incansável na busca da localização perfeita e na logística dos roteiros redondos, curte história, fotografar e conhecer a cultura local. Aproveita o período sabático em Portugal para escrever no blog, entre um parquinho com o filhote e a escolha da próxima cidade medieval, praia paradisíaca ou metrópole enérgica, para te inspirar a viajar mais e melhor.

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Redes Sociais

Últimos Posts

Planeje sua viagem aqui

Se você gosta das dicas, pode fazer as reservas pelos links destacados abaixo. Você não paga nada a mais e ganhamos uma pequena comissão que ajuda a manter o blog. Obrigada =)

HOSPEDAGEM
Booking.com – enorme variedade de hotéis e apartamentos, com avaliação dos hóspedes e excelentes ferramentas de busca, além de ótimas promoções.

ALUGUEL DE CARRO
RentCars – permite comparar o valor de várias companhias de aluguel, garantindo as melhores oportunidades de locação em uma road trip.

SEGURO VIAGEM
Seguros Promo – Buscador de seguros que ajuda a adquirir a opção com o melhor custo-benefício para a viagem.

Assine a nossa Newsletter